Pés inchados na gravidez: Causas e tratamentos

Tempo de leitura: 9 minutos

Olá mamãe, como está a gravidez? Como sempre, espero que tudo ok!

Fico pensando em alguns problemas que acometem as gestantes, inclusive as que estão grávidas pela primeira vez. Talvez muitas novidades estejam aparecendo no seu corpo, umas boas, outras nem tanto.

Falando nisso, tem sentido inchaço em alguma parte do corpo, inclusive nos pés?

Vamos entender um pouco mais sobre o que causa e como tratar o inchaço nos pés?

Caso sinta inchaço constantemente, não subestime estas sensações. Mesmo que sejam singelas e aparentemente costumeiras, se persistirem podem trazer problemas graves que comprometerão não só a sua vida, mas também a do seu bebê.

A verdade é que talvez e infelizmente vai ter que aprender a lidar com estas inconstâncias neste período que dura somente 9 meses.

pes inchados na gravidez

Pés inchados na gravidez: Causas e tratamentos

Durante a gravidez é comum notar que as suas pernas e os seus pés estão inchados. Talvez este problema seja recorrência de dias cansativos no qual andou bastante ou ficou de pé muito tempo. Entretanto, por mais que não precisemos nos preocupar com estas inconstâncias do corpo humano, quando se é gestante e estes males vêm acompanhados de outros sintomas, aí sim a mulher precisa tomar os devidos cuidados.

Hoje eu vou te mostrar quais são as causas mais comuns de inchaço nos tornozelos e pés durante a gravidez e o que você pode fazer para driblar este incômodo tão grande.

Eu também escrevi um outro artigo sobre inchaço durante a gestação, caso queira ler clique aqui.

O que pode causar inchaço nos pés durante a gravidez?

Se você percebeu durante a gravidez que do nada os seus pés estão inchados e em escala excessiva, como nunca antes, pode ser que esteja com pré-eclâmpsia, mal que eleva a pressão sanguínea e a presença de proteína na urina.
Caso apareça no seu corpo, e claro, nos pés, inchaço grave ou o inchaço acompanhado de outros problemas, tais como dores no abdômen, na cabeça, vômitos e náuseas ou visão embaçada, é melhor procurar rapidamente a ajuda de um médico que mostre qual é o problema.

Além disso, é importante ficar de olho no que pode ser a causa deste problema.

Lesões no pés e tornozelos

Uma das causas do inchaço nos pés, é uma possível lesão no tornozelo, aquele famoso “torção”. Isso acontece quando os ligamentos que sustentam esta parte essencial do corpo humano se esticam além do tanto que a estrutura pode aguentar.

Para amenizar as dores e os incômodos de uma lesão no tornozelo que consequentemente leva ao inchaço nos pés, é essencial que você descanse e jamais faça força no pé lesionado. Ainda, pode ser útil fazer compressas de gelo e descansar o local machucado sobre um travesseiro, talvez.

Caso estas medidas não tragam nenhum efeito, é importantíssimo que você procure por ajuda médica.

Linfedema

Esta é uma coleção de fluido linfático em tecidos que pode se desenvolver devido à ausência de ou problemas com os vasos linfáticos ou após a remoção dos gânglios linfáticos.

A linfa é um líquido rico em proteínas que normalmente viaja ao longo de uma extensa rede de vasos e capilares. Filtra-se através dos nódulos linfáticos, que prendem e destroem substâncias indesejadas, tais como bactérias. Quando há um problema com os capilares ou nódulos linfáticos, no entanto, o movimento do fluido pode ser bloqueado. Se não for tratado, o acúmulo de linfa pode prejudicar a cicatrização de feridas e levar à infecção e deformidade.

O linfedema é comum após a radioterapia ou remoção dos linfonodos em pacientes com câncer. Se você recebeu tratamento de câncer e experimenta o inchaço, consulte o seu médico imediatamente. Massagem para drenagem linfática pode ser um ótimo paliativo enquanto você aguarda pelo seu atendimento médico.

Insuficiência venosa

 A insuficiência venosa é caracterizada pelo inchaço nos pés e tornozelos, no qual o sangue se movimenta de um jeito inadequado nas veias das pernas até o coração. Geralmente, as veias mantém o sangue trabalhando por meio de válvulas unidirecionais.

Caso haja o enfraquecimento ou possíveis danos destas válvulas, o sangue não consegue chegar ao caminho costumeiro e fica retido no tecido mole da parte inferior das pernas, especificamente nos pés e tornozelo.
Caso alguém seja diagnosticado com insuficiência venosa crônica, pode sofrer alterações na pele, bem como úlceras e infecção.

Fique ligada caso apresente os sintomas acima.

Não negligencie a ida ao médico.

Infecção

Há também outra causa para o inchaço nos seus pés, a chamada neuropatia diabética, ou simplesmente “infecção”, que pode caracterizar problemas nos nervos dos pés.

Isso quer dizer que se você tem diabetes, preste atenção aos seus pés, se estes contêm bolhas e feridas, isso porque pode ser que você não sinta as dores desta infecção, por conta do dano nervoso que inibe a sensação de dor.

Portanto, mesmo que os seus pés não doam e mesmo assim você note bolhas e inchaço, busque rapidamente o auxílio de alguém especializado.

Coágulo de sangue

Ainda, o que pode causar inchaço nos pés é a má circulação do sangue, que acontece por coágulos que se formam nas veias das pernas e assim param o fluxo de sangue que retorna das pernas e volta para o coração, o que traz como consequência o inchaço tanto nos tornozelos como nos pés.

Existem duas formas de coágulos no sangue:

  • Superficiais: que ocorrem nas veias que ficam abaixo da pele.
  • Profundos: que bloqueiam uma ou mais veias das pernas.

Referente aos coágulos profundos, estes podem causar a morte se chegarem ao coração e aos pulmões, pois também têm o nome de trombose venosa profunda.

Alguns sintomas que mostram a presença de coágulos profundos são inchaço na perna e nos pés que vem junto com dor, febre baixa e mudança na cor da perna que está inchada.

Neste caso é importantíssimo que você procure ajuda médica e o tratamento indicado, que muitas é a base de diluentes no sangue. Ainda, se caso fez uma cirurgia recentemente e que tenha cortes, tome um maior cuidado com o aparecimento destes sintomas.

Problemas nos rins, fígado e coração

Outras causas do inchaço dos pés podem vir de problemas oriundos de órgãos importantes do corpo humano: rins, coração e fígado.

Quando você tem tornozelos inchados durante a noite, isso pode indicar retenção de sal e água procedente de um problema no coração. Agora, caso os rins não estejam funcionando corretamente, pode haver acúmulo de fluido no corpo.

Referente ao fígado pode haver o impedimento da proteína albumina, que é a responsável por manter um melhor desenvolvimento para que não haja o vazamento do sangue dos vasos sanguíneos para os tecidos circundantes.

Esta falta de produção de albumina pode ser muito grave, pois causa o acúmulo de fluido nos tornozelos e pés, além de peito e abdômen, causando assim retenção em várias áreas do corpo.

Caso você esteja com o inchaço caracterizado pelas causas acima mesclado a outros sintomas como cansaço extremo, perda de apetite, excesso de peso, falta de ar ou dor no peito, procure ajuda médica o quanto antes.

Medicamentos e seus efeitos colaterais

Pode ser ainda que você faça uso de alguns medicamentos que ajudem a causar inchaço nos pés.

Fique atenta às composições e analise se estas estão presentes nos remédios que usa corriqueiramente:

  • Contraceptivos que contenha hormônios como o estrógeno, por exemplo.
  • Remédios para pressão arterial, tais como: nifedipina, amlodipina, diltiazem, felodipina e verapamil. Estes bloqueiam os canais de cálcio.
  • Anabolizantes do tipo esteroides, corticosteroides, prednisona e androgênicos.
  • Antidepressivos tais como tricíclicos, como a nortriptilina, desipramina e amitriptilina; inibidores e da monoamina oxidase, tais como fenelzina e tranilcipromina
  • Anti-inflamatórios.
  • Medicamentos que amenizem a diabetes.

Portanto, caso suspeite de que o inchaço que tem nos pés esteja relacionado aos remédios que utiliza, converse com o seu médico sobre o que pode fazer para amenizar os sintomas sem precisar mudar de medicamento.
Entretanto, se apresentar um inchaço mais extremo, pode ser que precise trocar de remédio.

tratamento para inchaço nos pes gravida

Cuide-se e fique atenta ao inchaço nos pés

Pelo o que analisamos no artigo de hoje, muitas são as causas do inchaço nos pés, e estas causas não se caracterizam somente no período gestacional. Contudo, sabemos que é nesta ocasião em que as mães, inclusive você, precisa tomar muito cuidado para não comprometer a saúde do seu bebê, e nem a sua.

É importante não se automedicar; sempre buscar orientações de especialistas no assunto. Ainda, não subestime o quão essencial são períodos de descanso e também o consumo excessivo de água. Tenha uma alimentação saudável, rica em frutas, legumes e verduras. Se quiser saber mais sobre alimentação, clique aqui um artigo aonde falo tudo sobre alimentação na gravidez.

A gestação é um momento no qual todas as atenções precisam estar exatamente sobre a mamãe e a criança, claro, para nada acontecer nem antes nem durante e obviamente percalços no pós-parto.

É essencial que você mantenha todas as informações sobre possíveis males dentro do âmbito familiar, sempre deixando os seus parentes cientes do que acontece.

Não deixe de lado os tratamentos que precise fazer, muito menos as consultas durante a sua gestação, tão necessárias para o acompanhamento da gravidez.

Verdade é que este momento especial, tudo necessita ser levado a sério e respeitado mediante todos os detalhes referente à boas noticias, bem como alguns obstáculos no percurso. Com prevenção, tudo dará certo.

Mande noticias. O seu comentário é muito importante para mim!

Curte, comenta e compartilha!

 

 

Mamãe Saudável
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (51 Pontuação: 4,50 em uma média 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *